sábado, 30 de abril de 2016

A DEMISSÃO DA FORMIGA



A DEMISSÃO DA FORMIGA


“Todos os dias, uma formiga chegava cedinho ao escritório e pegava duro no trabalho. A formiga era produtiva e feliz.
O gerente marimbondo estranhou a formiga trabalhar sem supervisão. Se ela era produtiva sem supervisão, seria ainda mais se fosse supervisionada. E colocou uma barata, que preparava belíssimos relatórios e tinha muita experiência, como supervisora.
A primeira preocupação da barata foi a de padronizar o horário de entrada e saída da formiga.
Logo, a barata precisou de uma secretária para ajudar a preparar os relatórios e contratou também uma aranha para organizar os arquivos e controlar as ligações telefônicas.
O marimbondo ficou encantado com os relatórios da barata e pediu também gráficos com indicadores e análise das tendências que eram mostradas em reuniões.
A barata, então, contratou uma mosca, e comprou um computador com impressora colorida.
Logo, a formiga produtiva e feliz, começou a se lamentar de toda aquela movimentação de papéis e reuniões!
O marimbondo concluiu que era o momento de criar a função de gestor para a área onde a formiga produtiva e feliz, trabalhava. O cargo foi dado a uma cigarra, que mandou colocar carpete no seu escritório e comprar uma cadeira especial…
A nova gestora cigarra logo precisou de um computador e de uma assistente a pulga (sua assistente na empresa anterior) para ajudá-la a preparar um plano estratégico de melhorias e um controle do orçamento para a área onde trabalhava a formiga, que já não cantarolava mais e cada dia se tornava mais chateada.
A cigarra, então, convenceu o gerente marimbondo, que era preciso fazer uma pesquisa de clima. Mas, o marimbondo, ao rever as finanças, se deu conta de que a unidade na qual a formiga trabalhava já não rendia como antes e contratou a coruja, uma prestigiada consultora, muito famosa, para que fizesse um diagnóstico da situação.
A coruja permaneceu três meses nos escritórios e emitiu um volumoso relatório, com vários volumes que concluía: Há muita gente nesta empresa!
E adivinha quem o marimbondo mandou demitir?
A formiga, claro, porque ela andava muito desmotivada e aborrecida.”
Autor desconhecido


THE RESIGNATION OF THE ANT

"Every day, an Ant would come early to the Office and took hard at work. The Ant was productive and happy.
The Hornet Manager surprised the Ant work unsupervised. If she was productive without supervision, would be even more if it were overseen. And put a cockroach, which prepared reports and had much experience beautiful, as supervisor.
The first concern of the cockroach was to standardize the time of entry and exit of the Ant.
Soon, the cockroach needed a Secretary to help prepare the reports and commissioned a spider to organize files and control telephone calls.
The Hornet was delighted with reports of the cockroach and he also charts with indicators and trend analysis that were shown in meetings.
The cockroach then hired a fly, and bought a computer with color printer.
Soon, the productive and happy Ant started to regret all that moving papers and meetings!
The Hornet concluded that it was time to create the role of Manager for the area where the Ant productive and happy, worked. The job was given to a cicada, which put carpet in your Office and buy a special Chair.
Ournew cicada soon needed a computer and an Assistant the flea (her assistant in previous company) to help her prepare a strategic plan for improvements and a control of the budget for the area where he worked the Ant, which hummed more and every day became more upset.
The cicada, then convinced the Hornet Manager, I had to do a survey. But, the Hornet, while reviewing the Financials, realized that the drive on which the Ant worked no longer included as before and hired the OWL, a prestigious consultant, well known, to make a diagnosis of the situation.
The OWL remained three months in offices and issued a voluminous report, with several volumes that concluded: there are a lot of people in this company!
And guess who the Hornet sent fire?
The Ant, of course, because she was very disheartened and upset. "
Author unknown

O que é amor?





 Lindo, isto que é amor de verdade, uma lição de vida.

A ORAÇÃO DE UMA CRIANÇA

Resultado de imagem para imagem oração de uma criança



Era uma vez uma menina que frequentava a escola. Seus sapatos estavam tão gastos e cheios de buracos que não mais protegiam os pés das pedras e espinhos. Os pais eram muito pobres, e ela não queria aborrecê-los pedindo sapatos porque não havia dinheiro para comprá-los.
Certa manhã apareceu à porta do quarto onde a mãe tratava de dois meninos enfermos.
– Mamãe, – segredou-lhe – posso ter um cartão postal?
– Por quê? – perguntou a mãe.
– Um segredo – foi a resposta.
O cartão foi-lhe concedido e por algum tempo só se ouvia o arranhar de uma pena. Foi ao correio e pôs o postal na caixa. O carteiro sorriu quando leu o endereço: “Para Deus”. Virou o cartão e viu o pedido: “Querido Deus, eu quero um par de sapatos, para que possa ir à escola. Amém.”
O homem meditou por um momento, e então enviou o cartão a uma senhora que se interessava pelos necessitados. Como resultado foram mandados para aquela casa um par de sapatos e muitos outros presentes.
Talvez não escrevamos cartas a Deus como o fez esta pequena, mas podemos enviar-Lhe orações. Ele prometeu atender a tais súplicas.
A oração é o telégrafo sem fio dos céus e nosso amante Pai celestial espera do outro lado. Ele ouve todos os nossos pedidos. Às vezes poderá dizer “Não”, às vezes “Sim” e às vezes dirá: “Espere um pouco.” As respostas, porém, que Deus envia, são sempre para o nosso bem.
Vamos sempre lembrar-nos de que temos um Deus que ouve as nossas súplicas.
– R. Hale




There once was a girl who attended the school. His shoes were so worn and full of holes that no longer protected the feet of rocks and thorns. The parents were very poor, and she didn't want to upset them asking for shoes because there was no money to buy them.
One morning appeared at the door of the room where the mother was two boys sick.
-Mom, – you – might have whispered a postcard?
-Why? – asked the mother.
-A secret – was the reply.
The card was granted and for a while all you heard the scratch of a pen. Went to the post and put the card in the box. The postman smiled when he read the address: "To God". Turned and saw the card request: "Dear God, I want a pair of shoes, so you can go to school. Amen. "
The man mused for a moment, and then sent the card to a lady he was interested by the needy. As a result they were sent to the House a pair of shoes and many other gifts.
Maybe you don't write letters to God how did this small, but we can send you prayers. He promised to meet such entreaties.
Prayer is the wireless telegraph of heaven and our Heavenly Father lover waits on the other side. He hears all of our requests. Sometimes you can say "no", sometimes "Yes" and sometimes say: ' wait a minute. " The answers, however, that God sends, are always for our good.
We will always remember that we have a God who hears our prayers.
-Hale

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Cortes de carne bovina - para fazer um bom churrasco

Cortes de carne e partes da vaca


Sabe aquele churrasco que você que fazer no final de semana, e não sabe qual pedaço de carne usar vou lhe dar algumas dicas.

Aprenda cada parte da carne bovina, eu não conhecia quais eram as partes, achei interessante e quis compartilhar.  





-BOI
Alcatra  Um dos cortes mais interessantes, com fibras macias e muito sabor. A peça completa da alcatra, localizada  no traseiro do boi, compreende o miolo, a picanha e a maminha. Do miolo, extrai-se o famosos baby beef,  macio e suculento. Se assar em bifes, é melhor não fazer cortes finos, que provocam seu recamento.
92751ded699b809da07c8fb35c1f98c5

Chuleta Uma das preferidas dos gaúchos, faz parte do contrafilé e tem gosto suave de gordura. Em outras regiões brasileiras, como textura mal passada por dentro e torrada por fora, o que se consegue deixando-a mais próxima às brasas.

Contrafilé  É o corte mais longo e pesa cerca de 4 quilos. Cortado em grossos pedaços  na parte da frente, mais alta, é o ojo de bife dos argentinos. Com osso, é a bisteca ou chuleta. Rende ótimos assados, graças a capa de gordura lateral, responsável por manter a umidade da carne. O importante é não deixar a peça muito tempo na grelha, para que não endureça. Deve ser colocada primeiro na parte mais baixa da churrasqueira e, depois de 5 minutos, passada para o alto, por mais uns 10 minutos.
Costela  Uma das mais saborosas partes do boi, pelos ossos e a gordura, que lhe dão um caráter diferente. Demanda longo tempo de cozimento longe de fogo forte, para que suas fibras se distendam e ela fique macia e suculenta.


churrasco-de-picanha-ao-alho-f8-4014

Filé- mignon Praticamente sem gordura e muito macio, pode ser gralhado em pedaços maiores ou em medalhões, com o sal grosso colocado 5 minutos antes de ir à grelha. Exige pouco tempo de cozimento. Ao contrário das outras , peças sua maciez permite ser servido bem passado (na maior parte das vezes, para desgosto do churrasqueiro).
churrasco
Fraldinha Em alguns lugares é chamada de aba de filé ou vazio, um dos cortes que ganham ao ser preparados no espeto, para ficar mais comprimidos. Com fibras longas, é uma carne bastante gostosa, desde que seja colocada bem perto das brasas, por 4-5 minutos de cada lado e, em seguida, deixada na parte mais alta da churrasqueira , em lento cozimento. Sirva em fatias finas.
Maminha de alcatra  Com formato triangular, é bastante macia e suculenta. Deve ser assada na parte alta da churrasqueira, a pelo manos 40 cm da brasa. Comece a servir pela ponta mais fina e, se necessário, volte o restante ao fogo.
picanha
Picanha Rainha de todos os churrascos feitos no Brasil, tem seu sabor e suculência acentuados pela capa de gordura que a envolve – e que não deve ser retirada, sob pena de torna-la um corte comum e mais duro. Com uma faca fina , faça cortes em diagonal na gordura formando um quadriculado. Isso facilita a absorção do sal e favorece o efeito da gordura no gosto e maciez. Esfregue o sal grosso dos dois lados, com o excesso sendo retirado no momento de leva-la à grelha . Detalhe importante: primeiro , coloque o lado da gordura para cima, a uma altura de 40 cm, deixando por cerca de 40 minutos. Vire e deixe o lado da gordura por mais 10 minutos, até que fique dourada. Pode também ser grelhada em grossos pedaços com 3 dedos de largura  – nesse caso, na parte mais baixa da churrasqueira e com menos tempo de fogo.
http://blog.rscasa.com.br/
Essas são as dicas espero que tenham gostado, um ótimo final de semana e um bom churrasco.

Receita de Coroa de costela


Receita de Coroa de costela




Ingredientes
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • 2 folhas de louro
  • 1 cebola picada
  • 6 dentes de alho amassados
  • 1 xícara (chá) de vinho branco seco
  • 2kg de costela de porco em um só pedaço
Modo de preparo
  • Em uma travessa, misture os ingredientes do tempero, coloque a costela dentro e deixe tomar gosto de um dia para o outro.
  • Enrole a costela formando um círculo e amarre com um barbante bem ao meio da costela, deixando a parte dos ossos para cima.
  • Com uma faca afiada, corte a costela na parte da carne, separando um osso do outro até próximo ao barbante no meio da costela.
  • Coloque em pé em uma assadeira e leve ao forno, pré aquecido, por 1 hora, coberto com papel alumínio.
  • Retire o papel e deixe por mais 10 minutos ou até dourar.
  • Retire do forno, tire o barbante e sirva acompanhado de arroz branco e couve refogada.
Rendimento:6 porções
https://www.comidaereceitas.com.br/carnes/coroa-de-costela.html

Bom dia à todos os amigos!!


www.frasesparaface.com.br

Medo de cachorro.





 Eu adoro cachorro e este vídeo é emocionante.

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Viver como as flores



imagem: ilha-da-lindalva.blogspot.com


Viver como as flores

– Mestre, como faço para não me aborrecer? Algumas pessoas falam demais, outras são ignorantes. Algumas são indiferentes. Sinto ódio das que são mentirosas. Sofro com as que caluniam.
 
– Pois viva como as flores - advertiu o mestre!
 
– Como é viver como as flores - perguntou o discípulo?
 
– Repare nestas flores - continuou o mestre, apontando lírios que cresciam no jardim. – Elas nascem no esterco, entretanto, são puras e perfumadas. Extraem do adubo malcheiroso tudo que lhes é útil e saudável, mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas. É justo angustiar-se com as próprias culpas, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o importunem. Os defeitos deles são deles e não seus. Se não são seus, não há razão para aborrecimento. Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora. Isso é viver como as flores.
 
Lembre-se: nesta vida, nada deve nos aborrecer.
 
Autor: Desconhecido

Original



Live like the flowers

-Master, how do I not get bored? Some people talk too much, others are ignorant. Some are indifferent. Hatred of you are liars. I suffer with the malign.
 
-As alive as the flowers-warned the master.
 
-What it's like to live like the flowers-asked the disciple?
 
-Look at these flowers-continued the master, pointing that lilies grew in the garden. -They're born on dung, however, are pure and fragrant. Extract of stinky compost everything that they are useful and healthy, but don't allow the bitterness of the Earth smear the freshness of its petals. Is it fair to burden themselves with their own faults, but it is not wise to allow the vices of others the importunem. The defects of them are theirs and not yours. If you are not, there is no reason for boredom. Exercise the virtue of rejecting all evil that comes out of it. That is to live as the flowers.
 
Remember: in this life, nothing should upset us.
 
Author: Unknown

quarta-feira, 27 de abril de 2016

O Sapo e a Rosa



O Sapo e a Rosa

O sapa e a rosa viviam em um jardim.

Se amavam e eram amigos.

Um dia, a cobra falou para a rosa:

- Nossa, como você pode ser amiga desse bicho tão feio e nojento?

A rosa ficou confusa e disse ao sapo para não lhe procurar mais, e mesmo sem saber o motivo, o sapo foi embora muito triste.

Um certo dia, o sapo  voltou ao jardim e viu a rosa murcha e sem vida.

Então o sapo se aproximou e perguntou o que havia acontecido e a rosa respondeu:

- Desde o dia que você foi embora os insetos me perseguem, e era você quem os comia pra mim......

Moral da história: Nunca despreze os BONS AMIGOS por influencia de cobras invejosas.

Ame na simplicidade seus amigos.

SEMANA DOS AMIGOS. Mande para os MELHORES AMIGOS DO MUNDO....se receber de volta é porque eles também te amam.

Campanha: "Sou feliz porque tenho Você"

Mande só para os melhores amigos e tente conseguir 10.

Quero de volta hein!!!

Você  vale muito!!!!



The frog and the rose

The sapa and rosa lived in a garden.

Loved each other and were friends.

One day, the snake spoke to rosa:

Wow, how can you be friends with these animal so ugly and disgusting?

The Rose was confused and said to the frog not to find more, and without even knowing the reason, the frog was very sad though.

A certain day the frog back to the garden and saw the rose wilted and lifeless.

Then the frog approached and asked what had happened and the rose replied:

-Since the day you left the insects follow me, and you eat for me. ...

Moral of the story: do not despise the GOOD FRIENDS by influence of envious snakes.

Love the simplicity of your friends.

WEEK OF FRIENDS. Send it to MUNDO....se's best friend get back is because they love you.

Campaign: "I'm happy because I have You"

Send only the best friends and try to get 10.

I want back eh!

You're worth a lot!!!!

Bolo gelado três chocolates


Bolo gelado três chocolates


INGREDIENTES


  • 4 ovos
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
  • 2 xícaras (chá) de açúcar
  • 1/2 xícara (chá) de óleo
  • 1/2 xícara (chá) de água morna
  • 1 xícara (chá) de chocolate em pó
  • 100 g de nozes picadas
  • 1 colher (sopa) de fermento
  • 170 g de chocolate ao leite
  • 170 g chocolate meio amargo
  • 2 latas de creme de leite sem soro
  • 3 claras
  • 300 g de chocolate branco picado
  • 1 lata de creme de leite
  • 1/4 de xícara (chá) de água fria
  • 100 g de nozes picadas
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 colher (sopa) de achocolatado

MODO DE PREPARO


  1. Separe as claras e as gemas dos ovos e reserve.
  2. Prepare o bolo: bata as claras em neve, continue batendo e vá acrescentando as gemas uma a uma.
  3. Junte a farinha de trigo, 1 1/2 xícara de açúcar, o óleo, a água, o chocolate em pó e misture as nozes e o fermento.
  4. Coloque em uma forma de 22 cm de diâmetro untada com margarina e enfarinhada. Asse no forno, preaquecido a 200 ºC, até ficar firme.
  5. Prepare a musse: derreta o chocolate ao leite e o meio amargo em banho-maria ou no micro-ondas, misture o creme de leite sem soro e as claras batidas em neve.
  6. Faça a ganache: derreta o chocolate branco em banho-maria ou no micro-ondas e misture o creme de leite com soro.
  7. Prepare o crocante: em uma panela, misture a 1/2 xícara (chá) de açúcar restante e a água fria. Leve ao fogo brando, sem mexer, até formar uma calda em ponto de fio.
  8. Desligue o fogo e misture as nozes. Em uma superfície lisa, untada com manteiga, espalhe o crocante e deixe esfriar.
  9. Com uma espátula, desprenda o crocante e pique bem.
  10. 0. Corte o bolo ao meio e umedeça com a calda. Em um aro, coloque uma parte do bolo, por cima a musse e leve a geladeira até firmar.
  11. 1. Coloque a outra metade do bolo, cubra com a ganache e leve ao freezer por 3 horas. Na hora de servir, retire do aro e, por cima, distribua o crocante.

Fonte: http://gshow.globo.com/receitas-gshow/receita/bolo-gelado-tres-chocolates-4f5425377dc0797f31006f33.html