sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Impressionando Os Anjos



Olá, pessoal eu trouxe este vide para compartilhar com vocês lindo e emocionante, espero que gostem.



Impressionando Os Anjos


Compositor: Gustavo Mioto, Theo Andrade

Hoje foi tudo bem, só um pouco cansativo
Dia duro no trabalho que acabou comigo
Tô aqui com os pés pra cima pronto pra dormir
A saudade de você é visita frequente
Que nem a sua tia chata que irritava a gente
"ah, saudade da gente. "

Tirando isso
Do resto até que eu estou dando conta
A julinha tá banguela e o pedro só apronta
O que faltava do carro eu já quitei a conta

Ah! falando nisso
Terminei o livro que você pediu pra eu ler
E só na página 70 entendi você
Naquela parte onde diz que
"o amor é fogo que arde sem se ver"

Como é que tá ai?
De você faz tempo que não ouço nada
Fala um pouco sua voz tá tão calada
Sei que agora deve estar
Impressionando os anjos
Com sua risada

Mas de você faz tempo que não ouço nada
Fala um pouco sua voz tá tão calada
Ai de cima fala alto que eu preciso ouvir
Como é que tá ai?

Tirando isso do resto até que eu tô dando conta
A julinha tá banguela e o pedro só apronta
O que faltava do carro eu já quitei a conta

Falando nisso
Terminei o livro que você pediu pra eu ler
E só na página 70 entendi você
Naquela parte onde diz que
"o amor é fogo que arde sem se ver"

Como é que tá ai?
De você faz tempo que não ouço nada
Fala um pouco sua voz tá tão calada
Sei que agora deve estar
Impressionando os anjos
Com sua risada

Mas de você faz tempo que não ouço nada
Fala um pouco sua voz tá tão calada
Ai de cima fala alto que eu preciso ouvir
Como é que tá ai?

Sei que agora deve estar
Impressionando os anjos
Com sua risada

Fala alto ai de cima que eu preciso ouvir
Como é que tá ai?

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Mensagem do dia!

MENSAGEM DO DIA!

Tenham um excelente dia.




fonte:  lindas mensagens de amor
https://www.lindasfrasesdeamor.org/mensagens/amor

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Depoimento de "Papai Noel" sobre visita a criança terminal.

Depoimento de "Papai Noel" sobre visita a criança terminal.


fonte: Legendadus

 Olá, caros amigos trouxe este vídeo para compartilhar com vocês este é o verdadeiro significado do Natal.

sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

FELIZ NATAL!

À Todos os amigos.

UM FELIZ NATAL!

REPLETO DE PAZ, AMOR, SAÚDE E MUITAS FELICIDADES.


quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Linda frases

Olá, pessoal mais uma bela frase para vocês terem uma semana maravilhosa.

Exibindo kere5588-36.jpg

Fonte: bom dia amor

Lindas Frases de Amor

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

O preço da preguiça

Imagem relacionada

O preço da preguiça

    Um velho sábio tentava ensinar ao seu povo como trabalhar e ser cauteloso ao mesmo tempo. Para ele, nada de bom merece uma nação, cujo povo reclama passivamente esperando que os outros resolvam seus problemas.
Certa noite, enquanto todos dormiam, ele pôs uma enorme pedra na estrada, impedindo a passagem. Em seguida, escondeu-se e ficou observando tudo de longe. Primeiro apareceu um fazendeiro com uma carroça carregada de sementes. Todavia, ele se desviou da pedra e saiu praguejando: “Por que esses preguiçosos não mandam retirar essa pedra da estrada”.
    Logo depois, surgiu um jovem soldado que tropeçou na pedra. Irritou-se, praguejou, reclamou, mas nada fez para desobstruir o caminho. E assim, todos os outros que passavam por lá resmungavam, reclamavam, mas não faziam absolutamente nada para retirar aquela pedra da estrada.
   No fim de tarde, apareceu a filha do moleiro que, embora muito cansada, resolveu tentar remover sozinha a grande pedra. Empurrou, empurrou, puxou para cá, puxou para lá e depois de tanto insistir conseguiu livrar o caminho, colocando a pedra na lateral da estrada. Contudo, para sua surpresa, encontrou uma caixa debaixo da pedra. Ergueu-a. Era pesada, pois estava cheia de alguma coisa. Na sua tampa havia os seguintes dizeres: “Esta caixa pertence a quem retirar a pedra do caminho”.
    Curiosa, abriu a caixa e descobriu que estava cheia de ouro. Ficou muito feliz e retornou para sua casa. Quando o fazendeiro e o soldado souberam do ocorrido, correram para o local e revolveram o pó da estrada com os pés, na esperança de encontrar ainda algum pedaço de ouro. Mas, nada acharam. Nesse instante, o sábio caminhou até eles e disse:
   – Meus amigos... Com freqüência encontramos obstáculos e fardos no nosso caminho. Podemos reclamar em alto e bom som enquanto nos desviamos deles se assim preferirmos, ou podemos erguê-los e descobrir o que eles significam.
A DECEPÇÃO É NORMALMENTE O PREÇO DA PREGUIÇA.


Autor: Desconhecido


Original

The price of laziness

A wise old man trying to teach their people how to work and be cautious at the same time. For him, nothing good worth a nation whose people complain passively waiting for others to resolve their problems.
One night, while everyone was asleep, he put a huge stone on the road, preventing passage. Then hid and was watching everything from afar. First appeared a farmer with a wagon loaded with seeds. However, he deviated from stone and left cursing: "why these lazy don't send withdraw that stone from the road".
Soon after, a young soldier who stumbled on the stone. Got angry, cursed, complained, but did nothing to clear the way. And so, all others who passed by there were mumbling, complained, but didn't do anything at all for removing that stone from the road.
In late afternoon, it appeared that Miller's daughter, though very tired, decided to try to remove the big stone. Pushed, pushed, pulled over, pulled back and after much insisting managed to rid the path by placing the stone on the side of the road. However, to his surprise, found a box under the stone. Rose a. Was heavy because it was full of something. On its lid had the following words: "this box belongs to who remove the stone out of the way".
Curious, I opened the box and found that it was full of gold. Was very happy and returned to his home. When the farmer and the soldier knew what happened, rushed to the site and have turned the dust of the road, hoping to find a piece of gold. But, nothing found. At that moment, the wise walked up to them and said:
-My friends ... Frequently found obstacles and burdens on our way. We can complain out loud as we divert them if so opt, or we can lift them and find out what they mean.
THE DISAPPOINTMENT IS USUALLY THE PRICE OF LAZINESS.

Author: Unknown

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

O papagaio e o matagal em chamas

Resultado de imagem para imagem O papagaio e o matagal em chamas

O papagaio e o matagal em chamas

   Num matagal, ao pé das montanhas do Himalaia, vivia um papagaio juntamente com muitos outros animais e pássaros. Um dia, um fogo, causado pela fricção de bambus motivada pelos fortes ventos, começou a se alastrar pelo matagal, pondo em alarmada confusão e perigo os pássaros e animais.

   O papagaio, sentindo compaixão pelo temor e sofrimento deles e desejando retribuir a bondade que recebeu no bambuzal em que se abrigava, tentou, por todos os meios, salvá-los.


   Mergulhava, repetidamente, numa lagoa próxima, voava sobre o fogo e, sacudindo-se, derrubava algumas gotas de água para apagar o fogo. Repetia essa operação diligentemente, com o coração de compaixão e gratidão para com o matagal.


   Esta mente de bondade e auto-sacrifício foi observada por um deus que disse ao papagaio : "Você tem uma mente nobre, mas que espera conseguir com umas poucas gotas de água contra este fogo imenso?"

   O papagaio lhe respondeu: "Nada pode ser conseguido sem a mente da gratidão e auto-sacrifício. Tentarei e continuarei a tentar até na próxima vida."

   O grande deus ficou impressionado com tamanha determinação do papagaio e, juntos, apagaram o fogo.


Autor: Desconhecido



The Parrot and the burning Bush

In a landfill, at the foot of the Himalayan mountains, lived a parrot along with many other animals and birds. One day, a fire, caused by friction of bamboos motivated by strong winds, started to spread by Bush, alarmed confusion and danger the birds and animals.

The Parrot, feeling compassion for fear and misery and wishing to repay the kindness he received in the bamboo grove in that housed, tried to, by all means, save them.


Scuba diving, repeatedly, in a nearby pond, flew over the fire and, shaking, dropping a few drops of water to put out the fire. Repeating this operation diligently, with the heart of compassion and gratitude to the scrub.


This mind of kindness and self-sacrifice was observed by a god that the Parrot said: "you have a noble mind, but do you hope to accomplish with a few drops of water on this fire?"

The Parrot replied: "nothing can be achieved without the mind of gratitude and self-sacrifice. I will try and keep trying till the next life. "

The great god was impressed with such determination of Parrot and, together, put out the fire.

Author: Unknow

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Tudo Vai Dar Certo...

Resultado de imagem para imagem Tudo Vai Dar Certo...

Tudo Vai Dar Certo...


Está mensagem é para te alegrar e te dar forças
para enfrentar esta fase,
que está sendo tão difícil de encarar.

Faça de seus pensamentos a força de que está precisando.

Esqueça as coisas ruins e limpe a mente cultivando
somente bons pensamentos.

Acredite no sucesso total, não imagine obstáculos
na sua mente.

Tudo que uma pessoa é capaz de planejar, ela é capaz de realizar.

Tenha fé, otimismo e ação.

Sua vida só você a vive.

Portanto goste mais, acredite mais,
e seja mais feliz.

Procure plantar sementes de amor e otimismo na sua vida e você colhera sempre maravilhosos frutos.

Eu acredito em você.


Autor: Desconhecido



Everything Will Be All Right.


It's message is to cheer you up and give you strength
to cope with this phase,
being so hard to face.

Do your thoughts the strength that you need.

Forget about the bad stuff and clean mind cultivating
only good thoughts.

Believe in total success, don't imagine obstacles
in your mind.

Everything a person is able to plan, she is able to perform.

Have faith, optimism and action.

Your life you live.

So like, trust me more,
and be happier.

Look for plant seeds of love and optimism in your life and you always gathered wonderful fruits.

I believe in you.

Author: Unknown

sábado, 10 de dezembro de 2016

Uma carta para o Céu.

Uma carta para o Céu.

fonte: Legendadus

 Boa noite! Caros amigos, mais um vídeo emocionante que trouxe para compartilhar com vocês. Como um simples gesto pode fazer uma diferença enorme da vida de alguém, pense, reflita e siga em frente.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Amizade

AMIZADE

Fonte: imagens de Amor
https://www.lindasfrasesdeamor.org/mensagens/amor

Boa noite, queridos amigos uma simples imagem e uma bela frase para começarmos bem o dia!

terça-feira, 6 de dezembro de 2016


Resultado de imagem para imagem a boneca e a rosa branca
Resultado de imagem para imagem a boneca e a rosa branca

A boneca e a rosa branca


Apressada, entrei em um shopping center para comprar alguns presentes de ultima hora para o Natal. Olhei para toda aquela gente ao meu redor e me incomodei um pouco. "Ficarei aqui uma eternidade; com tantas coisas para fazer", pensei. O Natal já havia se transformado quase em uma doença.
Estava pensando em dormir enquanto durasse o Natal. Mas me apressei o máximo que pude por entre as pessoas que estavam no shopping. Entrei numa loja de brinquedos. Mais uma vez me surpreendi reclamando para mim mesma sobre os preços. Perguntei-me se os meus netos realmente brincariam com aquilo.Parti para a seção de bonecas. Em uma esquina encontrei um menino de aproximadamente 5 anos segurando uma boneca bem cara. Estava tocando seus cabelos e a segurava com muito carinho.
Não pude me conter; fiquei olhando para ele fixamente e perguntava-me para quem seria a boneca que ele segurava com tanto apreço, quando dele se aproximou uma mulher que ele chamou de tia. O menino lhe perguntou: "Sabe que não tenho dinheiro suficiente?". E a mulher lhe falou com um tom impaciente: "Você sabe que não tem dinheiro suficiente para compra-la". A mulher disse ao menino que permanecesse onde estava enquanto ela buscava outras coisas que lhe faltavam.
O menino continuou segurando a boneca. Depois de um tempo, me aproximei e perguntei-lhe para quem era a boneca. Ele respondeu: "Esta e a boneca que minha irmãzinha tanto queria ganhar no Natal". Ela estava certa de que Papai Noel iria trazê-la". Então eu disse ao  menino que o Papai Noel a traria. Mas ele me disse: "Não, Papai Noel não pode ir aonde minha irmãzinha está. Eu tenho que entregá-la a minha mãe para que ela leve ate a minha irmãzinha". Então eu lhe perguntei onde estava a sua irmã.
O menino, com uma feição triste, falou: "Ela se foi com Jesus. Meu pai me disse que a mamãe irá encontrar-se com ela". Meu coração quase parou de bater. Voltei a olhar para o menino. Ele continuou: "Pedi ao papai para falar para a mamãe para que ela não se vá ainda. Para pedir-lhe para esperar até que eu volte do shopping".
O menino me perguntou se eu gostaria de ver a sua foto e respondi-lhe que adoraria. Então, ele tirou do seu bolso algumas fotografias que tinham sido tiradas em frente ao shopping e me disse: "Vou pedir para o papai levar estas fotos para que a minha mãe nunca se esqueça de mim. Gosto muito da minha mãe, não queria que ela partisse. Mas o papai disse que ela tem que ir encontrar a minha irmãzinha".
Me dei conta de que o menino havia baixado a cabeça e ficado muito calado. Enquanto ele não olhava, coloquei a mão na minha carteira e retirei algumas notas. Pedi ao menino para que contasse o dinheiro novamente. Ele se entusiasmou muito e comentou: "Eu sei que e suficiente". E começou a contar o dinheiro outra vez. O dinheiro agora era suficiente para pagar a boneca. O menino, em uma voz suave, comentou :"Graças a Jesus por dar-me dinheiro suficiente".
Ele falou ainda: "Eu acabei de pedir a Jesus que me desse dinheiro suficiente para que eu comprar esta boneca para a mamãe levar até a minha irmãzinha. E Ele ouviu a minha oração. Eu queria pedir-Lhe dinheiro suficiente para comprar uma rosa branca para a minha mãe também, mas não o fiz. Mas Ele acaba de me dar o bastante para a boneca da minha irmãzinha e para a rosa da minha mãe. Ela gosta muito de rosas brancas...".
Em alguns minutos a sua tia voltou e eu, despercebidamente, fui embora. Enquanto terminava as minhas compras, com um espírito muito diferente de quando havia começado, não conseguia deixar de pensar naquele menino. Segui pensando em uma historia que havia lido dias antes num jornal, a respeito de um acidente, causado por um condutor alcoolizado, no qual uma menininha falecera e sua mãe ficara em estado grave. A família estava discutindo se deveria ou não manter a mulher com vida artificial. Logo me dei conta de que aquele menino pertencia a essa família.
Dois dias mais tarde li no jornal que a mulher do acidente havia sido removida das maquinas que a mantinham viva e morrido. Não conseguia tirar o menino da minha mente. Mais tarde, comprei um buquê de rosas brancas e as levei ao funeral onde estava o corpo de mulher. E ali estava a mulher do jornal, com uma rosa branca em uma de suas mãos, uma linda boneca na outra, e a foto de seu filho no shopping. Eu chorava e chorava... Minha vida havia mudado para sempre. O amor daquele menino pela sua mãe e irmã era enorme. Em um segundo, um condutor alcoolizado havia destroçado a vida daquela criança.
Mas eu havia aprendido a minha lição: os amigos são anjos que ajudam a colocar-nos de pé, novamente, quando nossas asas se esquecem como voar!

Autor: Desconhecido



The doll and the white rose

Hasty, went into a shopping mall to buy some last minute gifts for Christmas. I looked at all those people around me and bothered a bit. "I'm going to be here forever; with so many things to do ", I thought. Christmas had become almost a disease.
I was thinking about sleep as last Christmas. But I hurried the best I could through the people who were at the Mall. I got into a toy store. Once again I was surprised complaining to myself about the prices. I wondered if my grandkids really brincariam with it. I left for the section. In a corner I found a boy of about 5 years holding a doll. Was touching her hair and was holding it with great affection.
I couldn't help myself; I was looking at him blankly and asked me who would be the doll that he held with so much appreciation when it approached a woman who he called aunt. The boy asked him: "you know I don't have enough money?". And the woman spoke to him with an impatient tone: "you know I don't have enough money to buy it." The woman told the boy to remain where she was as she was looking for other things that were missing.
The boy continued holding the doll. After a while, I approached and asked him who it was the doll. He replied: "this is the doll my sister wanted for Christmas". She was sure that Santa would bring her ". So I said to the boy that Santa brought her. But he said: "no, Santa can't go where my sister is. I have to give it to my mother to take her to my little sister. " So I asked him where was your sister.
The boy, with a sad trait, said: "she was with Jesus. My father told me that mom will find her ". My heart almost stopped beating. I looked for the boy. He continued: "I asked dad to speaking to mom for her not to go yet. To ask you to wait until I get back from shopping.
The boy asked me if I'd like to see your picture and I told him that I'd love to. Then, he took from his pocket a few photographs that had been taken in front of the Mall and told me: "I'll ask dad to take these photos for my mom never forget me. I really like my mother, I didn't want her to leave. But Dad says she has to go find my little sister ".
I realized that the boy had lowered his head and stayed very quiet. While he looked, I put my hand on my wallet and pulled out a few notes. I asked the boy to tell us about the money again. He rhapsodized too and commented: "I know and enough". And began counting the money again. The money was enough to pay for the doll. The boy, in a soft voice, commented: "thanks to Jesus for giving me enough money".
He said: "I just ask Jesus to give me enough money for me to buy this doll for mom take up my little sister. And he heard my prayer. I wanted to ask him enough money to buy a white rose for my mom, but I didn't. But He just gave me enough for my little sister's doll and the rose from my mother. She loves white roses ... ".
In a few minutes she came back and I, undetected, I left. While finishing my purchases, with a very different spirit from when I started, I couldn't stop thinking about that boy. I followed thinking about a story that had read days before in a newspaper, about an accident, caused by a drunk driver, in which a little girl died and her mother had been in serious condition. The family was discussing whether or not to keep the woman alive. Soon I realized that boy belonged to this family.
Two days later I read in the newspaper that the woman of the accident had been removed from the machines that were keeping alive and dead. I couldn't take the boy out of my mind. Later, bought a bouquet of white roses and took them to the funeral where the woman's body. And there was the woman from the newspaper, with a white rose in one of his hands, a beautiful doll in the other, and the picture of his son in the Mall. I cried and cried ... My life had changed forever. That boy's love for his mother and sister was huge. In a second, a drunk driver had broken that kid's life.
But I had learned my lesson: friends are angels that help put us on your feet again, when our wings forget how to fly!

Author: Unknown

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Como fazer um amor durar

Resultado de imagem para imagem Como fazer um amor durar

Como fazer um amor durar


Uma mãe e a sua filha estavam a caminhar pela praia. Num certo ponto, a menina disse :
- Como se faz para manter um amor ?
A mãe olhou para a filha e respondeu :
- Pega um pouco de areia e fecha a mão com força...
A menina assim fez e reparou que quanto mais forte apertava a areia com a mão com mais velocidade a areia escapava.
- Mamãe, mas assim a areia cai !!!
- Eu sei, agora abre completamente a mão...
A menina assim fez mas veio um vento forte e levou consigo a areia que restava na sua mão.
- Assim também não consigo mantê-la na minha mão !
A mãe, sempre a sorrir disse-lhe :
- Agora pega outra vez um pouco de areia e mantenha na mão semi-aberta como se fosse uma colher... bastante fechada para protegê-la e bastante aberta para lhe dar liberdade.
A menina experimenta e vê que a areia não escapa da mão e está protegida do vento.
É assim que se faz durar um amor.


Autor: Desconhecido


How to make love last


A mother and her daughter were walking on the beach. At one point, the girl said:
-How do you keep a love?
The mother looked at her daughter and replied:
-Take a little sand and close to hand.
The girl did and noticed that the stronger shake the sand by hand with more speed the sand escaped.
-Mom, but as soon as the sand falls!
-I know, now opens completely.
The girl did so but a strong wind came and took the remaining sand in your hand.
-So I can't keep it in my hand!
The mother, always smiling said:
-Now take again a little sand and keep on hand half open as if it were a spoon ... pretty closed to protect her and open enough to give you freedom.
The girl experiences and see the sand doesn't hand escapes and is protected from the wind.
This is how you do last a love.

Author: Unknown

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Volte-se para outra janela

Boa tarde! Caros amigos, estava com saudade de todos.

A cada postagem me sinto realizada pois faz muito bem para mim postar mensagem de reflexão e otimismo, creio que para cada um que ler estas mensagem se sentiram mais leves, otimistas e felizes.

Ficam com DEUS! Tenham uma ótima semana.

Beijos!!



Resultado de imagem para imagem Volte-se para outra janela

Volte-se para outra janela


A menina debruçada na janela, trazia nos olhos grossas lágrimas e o peito oprimido pelo sentimento de dor causado pela morte do seu cão de estimação.

Com pesar, observava atenta o jardineiro a enterrar o corpo do amigo de tantas brincadeiras. A cada pá de terra jogada sobre o animal, sentia como se sua felicidade estivesse sendo soterrada também.

O avô que observava a neta, aproximou-se, envolveu-a num abraço e
falou-lhe com serenidade: Triste a cena, não é verdade?

A netinha ficou ainda mais triste e as lágrimas rolaram em abundância.

No entanto, o avô, que sinceramente desejava confortá-la, chamou-lhe a atenção para outra realidade. Tomou-a pela mão e a conduziu até uma janela opostamente localizada na ampla sala.

Abriu as cortinas e permitiu que ela visse o imenso jardim florido à sua frente,
e lhe perguntou carinhosamente: Está vendo aquele pé de rosas amarelas,
bem ali à frente?
Lembra que você me ajudou a plantá-lo? Foi num dia de sol como o de hoje,que nós dois o plantamos. Era apenas um pequeno galho cheio de espinhos, e hoje... veja como está lindo, carregado de flores perfumadas e botões como promessa de novas rosas...

A menina enxugou as lágrimas que ainda teimavam em permanecer em suas faces e abriu um largo sorriso, mostrando as abelhas que pousavam sobre as flores e as borboletas que faziam festa entre uma e outra, das tantas rosas de variados matizes, que enfeitavam o jardim.

O avô, satisfeito por tê-la ajudado a superar o momento de dor, falou-lhe com afeto:

Veja, minha filha, a vida nos oferece sempre várias janelas.
Quando a paisagem de uma delas nos causa tristeza, sem que possamos alterar-lhe o quadro, voltemo-nos para outra, e certamente nos depararemos com uma paisagem diferente.


Autor: Desconhecido


Turn to another window


The girl perched on the windowsill, eyes thick tears and overwhelmed by the feeling of chest pain caused by the death of his pet dog.

With regret, watched intently the gardener to bury the body of a friend of so many jokes. Every shovel of dirt thrown on the animal, felt as if her happiness was being buried, too.

The grandfather who watched her granddaughter, approached, engulfed her in a hug and
did you tell him calmly: sad, isn't it?

The granddaughter became even more sad and the tears rolled in abundance.

However, the grandfather, who sincerely wished to comfort her, called her attention to another reality. He took her by the hand and led her to a window opposite located in the large room.

Opened the curtains and allowed her to see the huge flower garden in front of you,
and asked him affectionately: see the foot of yellow roses,
well up ahead?
Remember that you helped me plant it? It was a sunny day like today, that we both planted. It was just a small branch full of thorns, and today ... look how beautiful, loaded with scented flowers and buttons as the promise of new roses.

The girl wiped away the tears that still insisted on staying in their faces and opened a broad smile, showing the bees landed on the flowers and butterflies that were party between one and another, of the many varied shades, roses that decorate the garden.

The grandfather, glad to have helped her to overcome the moment of pain, spoke to him with affection:

You see, my daughter, life offers several Windows.
When the landscape of one of them in grief, without which we can alter the picture, let us turn to another, and certainly in a different landscape confronts.

Author: Unknown